Notícias

Coordenadora fala sobre rede de ensino

Marlene Trivellato Ferreira, coordenadora do curso de Pedagogia fala sobre a necessidade de psicólogos na rede de ensino em trabalho conjunto com educadores


     Psicóloga há 30 anos e coordenadora do curso de Pedagogia do Centro Universitário Barão de Mauá, Marlene Trivellato Ferreira marcou presença na 3ª audiência pública sobre a inserção do assistente social e psicólogo que aconteceu na última terça-feira, 19, na Câmara Municipal de Ribeirão Preto.

    Na ocasião, a coordenadora que sempre atuou dentro das escolas falou sobre a importância de ter um profissional trabalhando junto com os educadores na prevenção e promoção da saúde. “Nós psicólogos não podemos ser chamados apenas quando há um problema na escola. Trabalhar a prevenção e promoção, juntamente aos educadores é o que vai garantir uma educação inclusiva e possivelmente, evitar futuros problemas”, ressaltou.

    Com objetivo de criar meios e ações que combatem a exclusão aos benefícios da vida em sociedade, provocada pelas diferenças de classe social, educação, idade, deficiência, gênero, preconceito social ou preconceitos raciais, educadores, psicólogos, assistentes sociais, estudantes e convidados participaram da audiência a fim de ter mudanças na rede de ensino. “Seria um trabalho paralelo ao do educador, a fim de respeitar a diversidade, garantindo a convivência e a aprendizagem de todos os estudantes e evitando, consequências trágicas como o caso de Suzano”, destacou.

    A proposta de lei para inserção do assistente social e psicólogo na rede pública de ensina visa criar um modelo de educação que atenda a família, o aluno e a escola. 



Galeria




Jornalistas:

Rogéria Gamba - MTB 52.808
rogeriacg@baraodemaua.br

Lays Schiavinatto - MTB: 76.163
lays.nascimento@baraodemaua.br

Contato Assessoria de Imprensa:

16 3968-3890

Compartilhe esta notícia

Voltar